29 dez 2020

Ano novo, cores novas para o apartamento: como escolher?

Compartilhe:

Ano novo, vida nova! Quem não conhece essa frase? Ela resume o sentimento de querer fazer tudo melhor, de ser mais eficiente, de prestar atenção nas coisas realmente importantes no novo ciclo anual que se aproxima.

E para estarmos realmente bem, os lugares em que vivemos também precisam fazer parte desse ciclo, como o nosso apartamento.

Usar cores na decoração do seu apartamento vai muito além de uma questão de estética: elas influem no nosso estado de ânimo, em nossa personalidade e até mesmo em nossa saúde!

Resumindo: as cores exercem um papel relevante no nosso dia a dia, ainda que não tenhamos isso tão claro em nossa consciência. Se você quer ter  “um futuro cor de rosa”, pode começar repensando as cores para seu apartamento.

Continue a leitura e saiba como escolher as cores que vão animar seu lar no próximo ano!

Psicologia das cores

Por definição, as cores são vibrações de ondas eletromagnéticas. Mas o que isso quer dizer? Isso significa que cada cor vibra em uma frequência e que cada frequência exerce um poder sobre nós. 

Tem até uma ciência que estuda isso: a psicologia das cores. Ela defende que cada cor tem um significado e capacidade de provocar sensações e lembranças. Por exemplo, todo mundo tem uma cor preferida, certo? Isso tem muito a ver com o tipo de associação que fazemos com cada uma.

Entenda melhor o que cada cor transmite, quando aplicada nas paredes do seu apartamento:

  • Azul: tranquilidade, serenidade, paciência, recuperação;
  • laranja: calor, confiança, otimismo;
  • verde: esperança, tranquilidade, relaxamento; 
  • vermelho: vitalidade, movimento, calor, atividade;
  • marrom: solidez, segurança, aconchego;
  • roxo: calma, melancolia, intuição;
  • rosa: afeto, relaxamento, afeição;
  • branco: pureza, paz, limpeza;
  • cinza: estabilidade, segurança;
  • amarelo: alegria, criatividade, disposição;
  • preto: mistério, poder, estilo.

As cores têm potencial tanto para causar sensações boas como sensações negativas. Por isso, na hora de escolher as cores para o seu apartamento, pense bem no tipo de estímulo que você quer ter em cada ambiente e escolha o tom mais adequado para o uso de cada espaço.

Vamos ver como fazer isso?

Antes das cores, estude os ambientes

Como as paredes não são a única coisa no seu apartamento, você também precisa pensar nos móveis e na iluminação na hora de escolher o tom que vai usar em cada ambiente. 

Observe cada cômodo com cuidado. Confira quais são os móveis que vão ficar próximos das paredes pintadas, quais são os elementos decorativos que já estão no espaço e tente imaginar como tudo vai interagir, uma vez que você pinte alguma superfície. 

A iluminação influencia as cores?

Na hora de escolher as cores novas para o seu apartamento, leve em consideração a luminosidade de cada espaço.

Ambientes com bastante iluminação natural podem ser pintados praticamente de qualquer cor, inclusive tons mais escuros. Por outro lado, se o apartamento for pouco iluminado, usar cores mais fechadas pode criar uma sensação de falta de luz no ambiente. 

O tipo de lâmpada que você costuma usar também afeta a percepção das cores. As de tons mais quentes são potencializadas com luzes amarelas, enquanto as lâmpadas frias têm o efeito contrário. Ou seja, elas “clareiam” mais as cores que você usar no seu apartamento. 

Como selecionar as paredes a pintar

Você pode tanto pintar um ambiente completo como escolher somente alguns planos (paredes individuais) para pintar. O mais comum é pintar o cômodo completo com a mesma cor, mas já pensou em aplicar a pintura somente em algumas partes? 

Por exemplo, no quarto, uma boa pedida é cobrir somente a parede da parte de trás da cama e deixar as outras em uma cor mais neutra, como o branco. Ou então, escolher pintar em “L”, ou seja, você cobre somente a superfície de duas paredes contíguas.

Na sala ou em outros lugares, dá para aplicar a mesma lógica e escolher estrategicamente os planos a cobrir com alguma cor, como o que fica atrás da TV ou mesmo o lado do sofá. 

No banheiro, pintar só o teto e deixar o resto branco deixa o lugar mais estiloso e mantém a sensação de higiene das cores claras, aplicadas nas superfícies verticais. 

Simule sua pintura

Para se sentir mais seguro antes de escolher a cor do seu apartamento, você pode fazer uma simulação da pintura. Funciona assim: você sobe uma foto do lugar que quer pintar na plataforma de simulação de pinturas, escolhe algumas cores e vai provando até achar a melhor combinação. 

Mas tome cuidado: isso serve mais de orientação. As cores sempre variam um pouco em relação ao que as pessoas podem ver na tela do computador e quando são aplicadas na superfície. Mesmo assim, já dá para ter uma ideia da sensação e impacto que a cor escolhida causa no ambiente. 

Você também pode levar para casa algumas amostras das cores de tinta para parede de apartamento. Elas já vêm pintadas em uma lâmina, então é só por sobre a parede e imaginar todo o painel pintado. E se você conseguir uma pequena mostra, já pode aplicar em uma parte da parede e ver o resultado.

Qual é a melhor cor para apartamentos?

Não existe uma melhor cor. Você pode usar o tom que quiser na hora de escolher as cores do seu apartamento: aqui, o mais importante é que você se sinta satisfeito com a escolha.

Por outro lado, não deixe de levar em consideração o que comentamos mais acima, quando falamos da psicologia das cores. 

Por exemplo, aplicar cores mais quentes, como laranja, vermelho ou amarelo em ambientes de repouso pode ter um efeito contrário e não ajudar na hora em que for preciso relaxar. Essas tonalidades costumam funcionar melhor em ambientes como a cozinha ou na sala de estar.

As cores têm um alto poder de transformar os ambientes. Se você quer mudar as cores do seu apartamento, mas tem medo de que não fique bom, não se preocupe: quando acabar toda a pintura você vai ver que o lugar fica muito mais bonito.

Pintar as paredes pode ser apenas o começo de uma grande transformação no seu apartamento. Para conferir mais dicas de como deixá-lo do jeitinho que você sonhou, veja também o post como fazer uma decoração sustentável no seu apartamento!